São Paulo, SP

Imagem corporal durante a gravidez

Profa Dra Valeria Santos de Almeida

A idéia de engravidar, perder as curvas e a cinturinha de “pilão” apavora muitas mulheres…… Mulheres que brigam com a balança, vivem testando uma nova dieta milagrosa e com antecedentes de depressão e baixa auto estima, ao engravidar possuem mais dificuldades em aceitar as mudanças corporais deste perído.

A imagem corporal definida   como a representação mental que temos de nosso próprio corpo está diretamente ligada à auto estima. Nas mulheres está intimamente ligada ao peso corporal.

A distorção da imagem corporal é um evento comum em nossa sociedade que estabelece padrões de beleza inatingíveis para a maioria das pessoas. Assim, mulheres fora destes padrões, esquecendo-se da saúde, recorrem a dietas, laxantes, diuréticos e exercícios extenuantes, e até ao vômito para alcançar o peso sonhado.

Na gravidez isso passa a ser um problema, pois também temos modelos, atrizes e cantoras que saem em capas de revistas e propagandas de cremes para o corpo lindas, magras e grávidas.

Por isso, mulheres que tem dificuldades em aceitar seu próprio corpo ao engravidar possuem problemas com a imagem corporal e auto estima, sendo mais suscetíveis á ter problemas com depressão no pós parto.

O exercício físico tem demonstrado ser um excelente aliado da gestante, pois auxilia no controle do ganho de peso e na diminuição dos inchaços que colaboram muito no aumento dos valores vistos na balança. Além disso, o exercício físico seguro também melhora os aspectos psicológicos, e assim você gestante pode se beneficiar com aumento na auto estima, queda da ansiedade e melhora do humor.

A dica para manter uma gestação saudável é cuidar da alimentação, realizar exercícios físicos e aumentar o peso conforme a recomendação de seu obstetra

Então mexa-se…..e mantenha sua imagem corporal sem alterações.

O Método Gerar tem especialistas que podem ajudá-la. Entre em contato: 11 7763-9358 ou valeria@metodogerar.com.br/novo

0

Deixe um comentário